Beatriz Galindo encontrou duas notas de R$ 200 e a fatura de um cartão de crédito perdidos, nesta terça-feira (22), na rua Comendador Araújo, próximo ao Mercadorama, no Centro de Curitiba. Ela pagou o boleto com as notas e procurou pelo dono em uma publicação em um grupo no Facebook. A história conquistou o ‘like’ e os elogios de muita gente e terminou com uma caixinha de bombons.

Foto: Raphael Ribeiro/BCB

“Eu trabalho no Centro e estava saindo para almoçar. Passando ali na frente do Mercadorama, vi uma nota de 200 dobradinha no chão e eu passei reto, porque na minha cabeça não tinha nota de 200. Andei mais um pouco e lembrei: ‘peraí, tem sim'”, relatou Beatriz em entrevista à Banda B.

Ao voltar para conferir a nota, percebeu que não havia apenas uma, mas sim duas notas de R$ 200 completando o valor de R$ 400. Além das notas, ela encontrou a fatura de um cartão de crédito no valor de R$ R$ 390,69.

“Pensei que com certeza aquele dinheiro era para pagar o boleto. Minha primeira ideia foi ficar olhando em volta pra ver se achava alguém, mas não encontrei ninguém. No boleto tinha um nome ‘Raul’, tentei achar ele no Facebook, mas não consegui. Paguei o boleto, mas queria avisar a pessoa que eu tinha pago!”, disse a mulher.

Clube da Alice

Em conversa com a mãe, veio a sugestão de fazer uma publicação relatando a história no grupo de Facebook Clube da Alice. “Eu fiz isso e nem de longe imaginei que fosse ter a repercussão que teve, fiquem bem impressionada. Meninas do grupo conseguiram por banco de dados o celular da sogra do Raul e da irmã. Mandei mensagem e a sogra dele me respondeu e falou que quem tinha perdido o dinheiro na verdade tinha sido a filha dela, Danielle, e que ela estava desesperada”, afirmou Beatriz.

Após perder o dinheiro e o documento com a fatura, Danielle pediu a emissão de um novo boleto e pagou a fatura. Com o contato de Danielle, esposa de Raul, Beatriz passou o comprovante de pagamento do boleto perdido.

“Acho que ela vai provavelmente pedir o reembolso do valor pago na reemissão do boleto. Hoje acabamos nos vendo, ela passou perto do meu trabalho e me deu uma caixinha de bombons”, contou Beatriz sobre o final feliz dessa história.