(Foto: Divulgação/Sindimoc)

 

O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Curitiba (Sindimoc) decidiu suspender a paralisação do Setembro de Luto que aconteceria das 15h às 16h desta terça-feira (12) em diversos terminais da capital paranaense. Ainda não há informações sobre o motivo pelo qual o ato foi cancelado e não se sabe também se os próximos eventos agendados serão realizados ou não.

A manifestação suspensa fazia parte de uma série de ações por mais segurança nos ônibus e visava convidar a população para um ato geral no dia 20 de setembro, às 15 horas, na Praça Rui Barbosa, na região central.

Segundo o Sindimoc, as três principais reivindicações da categoria são: A instalação de câmeras de segurança com monitoramento 24 horas, a criação da Delegacia Especializada em Crimes no Transporte Coletivo e o retorno do Grupo Tático Velado da Guarda Municipal nos ônibus.

O sindicato ainda declarou que a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) já está realizando um estudo de viabilidade para a instalação das câmeras, com previsão para iniciar os testes ainda este mês, na região metropolitana.

Hoje pela manhã, o Sindimoc afirmou não descartar a possibilidade de fazer uma greve geral a partir do dia 21, caso a Urbs não tome nenhuma iniciativa para viabilizar a implementação dos equipamentos. Essa informação também precisa ser confirmada oficialmente.