Um motorista embriagado de uma pick-up Saveiro bateu contra uma motocicleta, na noite deste sábado (1), na Avenida Comendador Franco, no bairro Guabirotuba, em Curitiba. O condutor não parou para prestar socorro e dois quilômetros depois, na mesma avenida, foi cercado por motociclistas.

O vigilante Daniel Guedes quase foi atingido pelo veículo e foi ele quem conseguiu deter o motorista. “Eu estava parado no sinaleiro e quase fui atropelado. Ele furou os dois sinais e acabou pegando um motociclista que estava fazendo a conversão. Bateu forte e fugiu, deixando o rapaz no chão”, afirmou ele.

Foto: Colaboração

Depois de prestar os primeiros socorros à vítima e acionar o Siate, Guedes foi atrás do motorista. “Cheguei no Jardim Botânico e o carro dele estava parado no sinaleiro. Eu tirei a chave dele e acionei a viatura”, relata o vigilante que também evitou que o motorista sofresse com a ira das testemunhas que queriam linchá-lo.

O motorista, de 50 anos, fez o teste do bafômetro. Com a embriaguez confirmada, o condutor foi levado à Delegacia de Delitos de Trânsito.

O motociclista ferido na colisão foi levado ao hospital com vários ferimentos, mas, em um primeiro momento, não corre risco de morte.