Um motorista que causou uma batida traseira, na noite desta quarta-feira (18), em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Trata-se de um homem de 49 anos.

Por volta das 20h desta quarta, os agentes da PRF atenderam um acidente do tipo colisão traseira na BR-277, em São José dos Pinhais. Ao chegarem no local, os policiais realizaram o teste do etilômetro, obrigatório em casos de acidente de trânsito, nos dois motoristas.

O resultado para o causador do acidente foi de 1,409 mg/l (mg de álcool por litro de ar expelido dos pulmões), 4 vezes maior que 0,34 mg/l (índice que configura o crime de embriaguez).

 

Divulgação

 

Aos policiais, o motorista disse que não percebeu o veículo da frente diminuindo a velocidade e assim, bateu na traseira. Ainda, afirmou que saiu do serviço, tomou duas doses de cachaça em um bar e estava voltando para casa. O acidente não resultou vítimas, apenas danos materiais nos carros.

 

Divulgação

 

O causador do acidente foi preso em flagrante por dirigir embriagado e conduzido até a delegacia da Polícia Civil em São José dos Pinhais. O motorista foi autuado no registro do crime de embriaguez ao volante, que tem uma pena de 6 meses a 3 anos de prisão. Além do crime, ele foi autuado no valor de R$ 2.934,70 e terá sua CNH suspensa por 12 meses. No caso de reincidência no período de 1 ano o valor é dobrado e o condutor terá sua CNH cassada.

O Delegado de plantão arbitrou uma fiança de R$ um mil reais, mas até o fechamento desta matéria não houve a notícia se ele pagou este valor.