Um acidente misterioso na manhã desta segunda-feira (4), no bairro Boqueirão, em Curitiba, deixou muita gente intrigada. Dois motoristas envolvidos na colisão abandonaram os carros batidos e foram embora. Testemunhas acreditam que eles tinham algo pendente e não quiseram permanecer no local. Não houve feridos.

A série de colisões começou quando um veículo Corsa foi sair de um estacionamento rotativo na rua José Hauer próximo a esquina com a João Fain e colidiu contra um Sonic, que capotou. Com o impacto, ele ainda bateu contra um Honda Civic estacionado e um Celta, que vinha no sentido contrário. O motorista do Corsa e do Sonic capotado fugiram do local.

O dono do Honda Civic, o mecânico Everton França Costa, estava em uma autopeças comprando material para a oficina dele, quando escutou o primeiro estrondo na colisão. “Foi tão rápido que só escutei a pancada, vi o carro girando e pegando no meu carro parado, outro na contramão. Agora estamos aqui com o prejuízo. Todo mundo sumiu, alguma coisa tem”, disse à Banda B.

O motorista do carro capotado não se machucou e foi visto pelas testemunhas saindo do veículo. “Ele saiu de dentro do carro, estava bem, mas não sei onde foi parar. Simplesmente sumiu”, disse o motorista atingido na colisão.

A rua ficou parcialmente bloqueada e havia registros de congestionamento no local. O Batalhão de Polícia de Trânsito (Bptran) foi acionado para atender ao local do acidente.