Um dos mais importantes destinos turísticos do Paraná, Morretes, reabriu para o turismo nesta sexta-feira (7). Por conta da pandemia do coronavírus, porém, agora o acesso é controlado e depende de cadastro prévio pela internet.

Barreado é o um dos mais tradicionais pratos típicos do Paraná (Foto: José Fernando Ogura/ANPr)

O procurador-geral de Morretes, Víctor Vitelci de Souza Alves, explicou que as atividades estavam suspensas desde o final de março, o que causou um prejuízo grande para os envolvidos. “Claro que temos que ter o absoluto respeito e preocupação ao direito à vida, mas são pessoas que precisam trabalhar, já que estão com dificuldades financeiras muito grandes, inclusive na questão do sustento”, disse.

De acordo com o decreto da Prefeitura de Morretes, a cidade está inicialmente aberta nas sextas, sábados e domingos, nos dias 7, 8, 9, 14, 15, 16, 21, 22 e 23 de agosto. Podem abrir restaurantes; pousadas; hotéis; parques privados; quiosques e estabelecimentos situados ao longo de rodovias; acampamentos turísticos (campings); casas de aluguel para turistas; feiras livres; atividades à beira de rios; lojas e agências de atendimento a turistas; trem e vans de turismo; veículos off roads e riquixás e guias de turismo.

Entre as limitações, está um limite no acesso à cidade. Segundo Vitelci, são 3.770 turistas. “Eles terão que ter destino certo, já que no site você fará com reserva e cadastro, escolhendo uma das atividades. Apenas com o QR Code no smartphone será possível acesso pelas duas entradas da cidade”, concluiu.

Há uma possibilidade de acesso com cadastro no local, desde que a lotação da cidade não tenha chegado.

Para fazer o cadastro e reserva, basta clicar aqui.