A idosa, de 65 anos, que estava viajando a bordo de um navio cruzeiro e precisou ser resgatada por um helicóptero do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA), na tarde da última sexta-feira (27), morreu no Hospital Regional de Paranaguá no domingo (29). Ela teria sofrido um quadro de choque hipovolêmico e insuficiência respiratória.

(Foto: Divulgação)

 

No dia do socorro, tenente Andri, do BPMOA, contou que ela foi transportada da Ilha do Mel por uma lancha da embarcação até o trapiche e depois até o Hospital Regional de Paranaguá, onde estava internada e acabou não resistindo.

O choque hipovolêmico acontece por conta da perda de sangue ou líquido. O cruzeiro havia saído de Florianópolis (SC) e estava se dirigindo até Santos (SP). A mulher era moradora de Porto Alegre.