Um menino, de 12 anos, sofreu ferimentos moderados ao bater de bicicleta contra um ônibus da linha Curitiba/Urano, que vinha de São José em direção ao Terminal Guadalupe, no bairro Jardim Botânico, em Curitiba. O ciclista teria saído da avenida Comendador Franco e entrado na contramão da rua Engenheiro Leão Sounis, passando entre os carros, quando a colisão aconteceu, no início da noite desta segunda-feira (12).

(Foto: Daniela Sevieri/Banda B)

O motorista do ônibus, Claudinei Javorski, de 39 anos, conta que estava andando em baixa velocidade e não viu o garoto se aproximando. “Eu estava andando a uns 30 km/h e o menino saiu por trás dos carros na contramão, passando com tudo na minha frente, não tinha visão nenhuma. Na hora que eu vi ele, freiei, mas acabei encostando na bicicleta e ele caiu. Graças a Deus não foi nada e o garoto estava bem”, explica Javorski que é motorista há nove anos.

De acordo com o motorista, casos como esse são comuns no trânsito. “Assusta bastante a hora que você vê a criança aparecendo do nada na sua frente. Isso aí é comum, acontece às vezes com ciclistas, skatistas e com o próprio pedestre que muitas vezes andam de forma irregular pela rua e acaba atrapalhando o trânsito. É preciso tomar cuidado”, disse ele.

Um ambulância do Siate foi até o local e encaminhou a criança para o Hospital Evangélico.