Imagem ilustrativa Pixabay

Sem casa para morar e só com uma mochila nas costas e a sensação de que foi “abandonado”. Desse jeito, um homem procurou a reportagem para relatar que largou tudo para morar com um padre de uma paróquia pertencente à arquidiocese de Maringá. Mas, segundo ele, depois de meses residindo juntos na casa paroquial, o padre teria desaparecido “sem dar satisfação nenhuma”.

O padre que reza missa em uma paróquia de uma cidade da região faz mestrado em Curitiba e, de acordo com relato do rapaz, foi em uma dessas idas do padre à capital, em maio, que eles se conheceram. “A gente começou um relacionamento e no começo de agosto ele propôs que eu morasse com ele na casa paroquial. Larguei, tudo, meu apartamento, um bico que fazia lá, e vim”, diz.

De acordo com o rapaz, ele residiu na casa paroquial até recentemente, mas, na semana passada, o padre teria desaparecido sem dar explicações.

Leia a reportagem completa AQUI no Portal GMConline.