Foto: Arquivo Pessoal

 

Uma menina de 16 anos está desaparecida desde quinta-feira (14), quando voltava da escola para casa, no bairro Alto Boqueirão, em Curitiba. Maria Vitória Fogaça, segundo familiares, possui problemas psicológicos e toma remédios controlados diariamente.

Segundo Maria Helena Cabral Portes, mãe da garota, a adolescente foi vista pela última vez quando descia do ônibus, na rotatória do Boqueirão. “A amiga que volta com ela disse que a Maria Vitória desceu em um ponto aqui perto de casa, como geralmente faz. Mas, depois disso, não a vimos mais”, conta.

A mãe, que trabalha na região metropolitana de Curitiba, criou as duas filhas sozinha, e afirmou que a caçula pode ter fugido após uma discussão na escola. “O celular foi confiscado pela professora. A pedagoga disse à ela que só entregaria de volta com a presença da mãe. Não sei se ela ficou com medo do que seria encontrado no celular, aí pode ter fugido”, disse.

A família registrou Boletim de Ocorrência no Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) na quinta-feira (15). A família aguarda informações sobre o paradeiro da jovem.