O jovem acusado de matar, assar e comer um cão na região do bairro Alto Boqueirão, em Curitiba, acabou preso novamente, mas – desta vez – por receptação de um veículo furtado. O suspeito, que tem 19 anos, foi preso após uma abordagem na última sexta-feira (14) no bairro Ganchinho, também na capital paranaense.

De acordo com o Boletim de Ocorrências, ao qual a Banda B teve acesso, uma equipe da Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) patrulhava a região quando decidiu abordar esse jovem que estava em um Fiat Uno.

 

Foto: Colaboração

 

Ao abordarem o rapaz, a polícia constatou que o carro em que ele estava havia sido furtado no dia 5 de agosto, em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba. Os policiais verificaram ainda que o suspeito seria o mesmo que matou e comeu um cachorro comunitário no começo deste mês.

“Ele disse que havia comprado o carro no bairro Boqueirão, mas não soube informar o local exato. Não tem contrato ou qualquer documento que comprove a aquisição”, disse o delegado João Chadas, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV).

Por conta do flagrante, o jovem continua preso na DFRV; a fiança foi posta, mas ele alegou que não tem dinheiro.