Quadras foram bloqueadas para trabalho dos bombeiros (Foto: Paulo Sérgio – Banda B)

 

Um incêndio em residência mobilizou o Corpo de Bombeiros no final da manhã deste sábado (1), na Rua Ferdinando Ferreira, no bairro Guabirotuba, em Curitiba. De acordo com moradores vizinhos, o terreno é alvo constante de reclamações à Prefeitura por conta do grande acúmulo de lixo. Ainda não há informações sobre o que iniciou as chamas.

Renata San Petri, por exemplo, descreveu que por várias vezes pediu que algo fosse feito. “A gente entra em contato para a Prefeitura fazer alguma coisa e eles nos dizem que não podem fazer nada por ser um terreno privado. Pelo que sei, esse morador já fez até um puxadinho, de tanto lixo acumulado dentro da casa”, comentou.

Segundo os próprios moradores, a administração municipal esteve no local há cerca de dez dias para solicitar limpeza do terreno, o que não aconteceu.

Morador da residência, João Maria Xavier, disse não saber o que provocou o fogo. “Eu fui tomar um café e quando voltei já estava com fumaça. Hoje eu ia levar para o depósito uma carga de papelão e ainda tentei apagar as chamas no começo, mas não consegui”, lamentou.

Bombeiros

O capitão Thomaz, do Corpo de Bombeiros, explicou foi necessário três caminhões para ocorrência. “É um trabalho que vai levar o resto do dia. Já estamos pedindo apoio até de retroescavadeira para o rescaldo. Aqui a gente trabalha prioritariamente para que o fogo não se alastre”, disse.

Por conta do acumulo de lixo nos cantos do terreno, o trabalho dos bombeiros se concentrou em evitar que o fogo se alastrasse para outras casas. Os bombeiros isolaram duas quadras para o combate ao fogo. Durante o atendimento, a fumaça ficou bastante alta e chegou a ir em direção à Avenida Comendador Franco.

Por conta do lixo, a expectativa é que o trabalho dos bombeiros ainda demore para se encerrar.