A Prefeitura de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, fechou uma casa noturna da Rodovia João Leopoldo Jacomel na madrugada deste domingo (29). A ação aconteceu após imagens de aglomeração viralizarem nas redes sociais. Segundo a administração municipal, o fechamento se deu pelo não cumprimento das medidas de prevenção à Covid-19, como aglomeração, falta de distanciamento, e falta do uso de máscara.

Foto: Colaboração

De acordo com a diretora de vigilância em saúde, Vanessa Loyola, a ação ocorreu em alguns estabelecimentos que funcionam no período noturno na cidade. “No momento, não temos decretos restringindo as atividades, por conta da flexibilização e da diminuição de casos, mas isso não significa que a pandemia acabou. A flexibilização ocorreu com regras e elas estão mantidas. Caso haja necessidade, a prefeitura pode sim tomar medidas mais rígidas, principalmente na questão de não ter aglomeração, manter o distanciamento e o uso de álcool em gel”, explicou.

Segundo a diretora, os estabelecimentos precisam definir uma organização dentro das medidas sanitárias para abrir as portas. Caso não cumpra, a autuação da Guarda Municipal pode ocorrer.

“A Prefeitura de Pinhais, em diversos documentos oficiais publicados, estabelece regras para que as atividades econômicas sejam mantidas, porém, com a preocupação principal de preservar a saúde da população. Portanto, é necessário que os estabelecimentos respeitem a legislação vigente relacionada ao enfrentamento da pandemia”, reforça em nota a Prefeitura de Pinhais.

Relaxamento

Segundo Vanessa Loyola, o relaxamento da população é perceptível em toda a cidade. “Nós temos percebido que a população relaxou nas medidas de prevenção, seja a questão do uso de máscara e principalmente no distanciamento social, como se a pandemia tivesse acabado. Há uma descrença nos dados e, portanto, a população passou a sair mais de casa, sem manter as medidas, principalmente os adultos-jovens, que frequentam locais de entretenimento e bares, que mostram um descaso com as medidas”, concluiu.