Um guarda municipal aposentado, de 71 anos, morreu após sofrer uma queda de bicicleta na Rua José Tomasi, no bairro São Braz, em Curitiba.

Foto: Marcelo Borges – Banda B

Não se sabe ao certo o motivo que provocou o acidente, mas a polícia trabalha com duas hipóteses: a que a vítima tenha passado mal ou que tenha sido fechada por um carro no cruzamento.

Neto da vítima, Jonathan Luiz de Oliveira, lamentou o acidente. “Meu avô sempre foi como um pai para mim. Ele era uma pessoa muito honesta e infelizmente o acidente aconteceu”, disse.

A Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) vai verificar imagens de câmeras de segurança para apurar as causas do acidente.

Nota Prefeitura

Em nota, a assessoria da Prefeitura de Curitiba informou:

“O trecho está sinalizado com eixo divisor de fluxo, e a velocidade máxima está regulamentada em 40km/h.

Nos trechos críticos de curva da rua existem tachões no eixo.

A Superintendência de Trânsito elaborou projeto para repintura do eixo e colocação de tachões no restante da via.

O trecho do atropelamento é inclinado e desta forma, seguindo regulamentação federal, não é possível implantar lombada física”, diz a nota.