Um grave acidente na Linha Verde, no bairro Tarumã, em Curitiba, envolveu quatro veículos: dois carros e duas motocicletas, na manhã desta segunda-feira (23). Seis pessoas precisaram de atendimento emergencial por causa dos ferimentos, mas nenhum em estado grave. A pista sentido Pinheirinho ficou parcialmente interditada por cerca de uma hora.

A colisão aconteceu na pista sentido Pinheirinho, próximo ao viaduto do Tarumã, por volta das 7h30. Testemunhas disseram que um Palio que seguia no sentido contrário perdeu a direção, invadiu a pista e atingiu duas motos e outro carro.

O tenente Vaz do Corpo de Bombeiros disse que todas as vítimas não correm risco de morte. “Precisamos de apoio do Samu, do médico do Siate e de duas ambulâncias do Corpo de Bombeiros, além da ABTR. Todas as seis vítimas estão com ferimentos, mas sem risco de morte. Isso permitiu que fizéssemos um trabalho adequado, respeitando o quadro de cada um”, descreveu, em entrevista à Banda B.

Segundo ele, mãe e filha que estavam em um Citroën C3 precisaram ser retiradas de dentro do carro. “As duas estavam reclamando de bastante dor nas costas, então, pela segurança delas, optaram em permanecer dentro do carro e aguardar que nós fizéssemos a retirada com técnica de preservação”, completou  o tenente Vaz.

Além da motorista e passageira do C3, outras três pessoas que estavam em duas motocicletas ficaram feridas e também o motorista do Fiat Palio, que teria invadido a pista contrária.

O namorado da motorista do C3 disse à Banda B que chegou no local após uma ligação dela. “Mesmo ferida, ela conseguiu meu ligar, disse que não estava conseguindo se mexer, não deu muito detalhe. Mas, quando eu cheguei aqui fiquei sabendo que o Palio vinha do outro lado, perdeu o controle, pegou a moto e o carro dela. Ainda bem que ela não teve ferimento grave, a mãe dela está com dores nas costas, mas está bem, também”, finalizou à Banda B.

A pista ficou parcialmente interditada durante o trabalho do Corpo de Bombeiros. Os carros serão retirados por guinchos e a orientação da Secretaria de Trânsito de Curitiba é evitar o trecho.