A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte informa que o Processo Seletivo Simplificado (PSS) para professores já ultrapassou a marca de 35 mil candidatos inscritos. O edital dessa chamada fecha nesta segunda-feira (23), às 18 horas.

 

São José dos Pinhais – 25-04-13 – Escola Estadual Tarsila do Amaral inaugurada em Fevereiro. Foto: Hedeson Alves

 

Haverá prova de conhecimento na área em que o candidato se inscrever e em que pretende dar aula. A prova de títulos e o tempo de serviço — critérios utilizados em anos anteriores — ainda são parte do processo de seleção.

As provas serão aplicadas em 13 de dezembro nas cidades-sede dos Núcleos Regionais de Educação (NRE). No dia da avaliação serão adotadas normas rígidas de prevenção da Covid-19, seguindo protocolo da empresa que organiza a prova e as determinações sanitárias da Secretaria de Estado da Saúde.

Greve de Fome

Os professores completaram nesta segunda-feira (23), o quarto dia sem comer. Em forma de protesto, eles iniciaram na manhã da última quinta-feira (19) um acampamento  em frente ao Palácio Iguaçu, no Centro Cívico, em Curitiba. Somado ao acampamento, os educadores também fazem uma greve de fome e pedem a revogação do edital de contratação de PSS (temporários).

“O governo até o momento não apresentou resposta às principais reivindicações da categoria: revogação do edital 47 sobre prova pra PSS (temporários), pagamento de direitos de carreira que estão congelados e prorrogação do contrato de 9 mil funcionários. As pautas são, principalmente, para evitar o desemprego de quase 30 mil profissionais da educação entre professores e funcionários”, diz o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Paraná (APP-Sindicato).

Ainda de acordo com a APP-Sindicato, os servidores em greve de fome estão acompanhados por equipes médicas e voluntários que se revezam para auxiliar no que for necessário.

Matérias Relacionadas