Estudantes de escolas da rede curitibana contarão com aulas de economia doméstica a partir do ano que vem. O projeto “Mãos na Massa: economia doméstica para os estudantes da rede municipal de ensino” será iniciado em fevereiro de 2021 para alunos do 6º ao 9º ano das unidades municipais.

Ao longo dos meses, o projeto será expandido para as unidades integrais e em seguida para as demais unidades.

“Quero nossas meninas e piás sabendo comprar, preparar seus alimentos e cuidar dos resíduos. É dever da escola iluminar o aluno com a luz da autossuficiência”, declarou o prefeito Rafael Greca, no lançamento do projeto, dia 18 de dezembro, no Palácio Solar 29 de Março, sede da Prefeitura.

Na imagem, Alunos da Escola Municipal Leonor Castellano, no Boqueirão, fazem a avaliação. Foto: Brunno Covello/SMCS

A iniciativa busca incentivar os estudantes a encontrar soluções para questões do dia a dia de maneira criativa e sustentável. Dessa maneira, eles serão mais inovadores e autônomos.

A secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, afirmou que essa iniciativa é resultado do intercâmbio que os profissionais da rede fizeram na Finlândia, ano passado.

Estudantes terão aulas de economia doméstica a partir de fevereiro. Foto: Ricardo Marajó/SMCS

“Nas escolas finlandesas eles têm cozinhas e ateliês de costura equipados, faz parte do dia a dia deles. A partir de 2021, nas nossas escolas, toda semana teremos uma professora para esse trabalho curricular”, explicou Maria Sílvia.

Serão criados espaços maker (faça você mesmo) com propostas de vivências do cotidiano e atividades manuais, com o objetivo de desenvolver a autonomia dos estudantes.

As atividades serão realizadas às quartas-feiras.

TV Escola

Desde 13 de abril, crianças e estudantes da rede têm acesso aos conteúdos por meio da TV Escola Curitiba.

Para ser acessível a todos, o material é transmitido pela TV aberta, na TV Paraná Turismo 9.2 UHF e 4.2 (Rede Massa), além de canal próprio no YouTube.

Já são 29,1 milhões de visualizações e 113 mil inscritos.