Nuvens carregadas e ventos fortes substituíram o sol e céu azul em Curitiba e região no começo da tarde desta quinta-feira (19). O Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar) alertou, desde ontem, sobre a possibilidade de tempestades em todo o estado, principalmente sobre o Centro, Campos Gerais, o sul da região Norte e na capital.

O cenário é resultado de um avanço rápido de uma frente fria no sentido Oeste para Leste. Já no início da tarde, choveu forte em Araucária e em alguns bairros de Curitiba.

Duas faixas da Avenida Vicente Machado com a Rua Desembargador Costa Carvalho estão bloqueadas, por causa da queda de galhos de árvore na via. Cabos e placas de propaganda também caíram devido aos fortes ventos na Rua Raposo Tavares.  Uma faixa está bloqueada na Alameda Júlia da Costa, próximo ao número 362, onde galhos caíram sobre um veículo.

No bairro Guabirotuba, um pinheiro caiu em cima de uma casa. Apesar do susto, não há registro de feridos. Em uma empresa de logística, uma parede caiu sobre um trabalhador no bairro Cajuru. O Siate, do Corpo de Bombeiros, foi acionado.

Em uma universidade no bairro Portão, bombeiros foram acionados para resgatar estudantes presos em um elevador devido a chuva.

No momento, são 21,6 mil domicílios sem energia elétrica por conta do temporal, principalmente por causa do ventos e dos raios. As regiões mais afetadas são Mercês, Pilarzinho, Hauer, Santa Quitéria e Tatuquara.