Imagem ilustrativa

Uma criança de dois anos morreu, na tarde desta terça-feira (15), após se afogar em uma piscina de Morretes, no Litoral do Paraná. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a família ainda combinou um local de encontro com as viaturas para tentar agilizar o socorro, mas o menino não resistiu.

Responsável pela Comunicação Social do Corpo de Bombeiros na Operação Verão, a tenente Ana Paula explicou que as equipes fizeram o primeiro atendimento de reanimação cardiopulmonar, encaminhando a vítima ao hospital da cidade. Lá, o helicóptero Falcão 01 foi acionado para realizar o transporte ao Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá. “Mesmo após cerca de duas horas de procedimentos, o menino acabou morrendo no local”, comentou.

Como a prioridade foi o atendimento, a família ainda não descreveu como o afogamento teria acontecido nesta piscina.

Esse é o décimo caso fatal por afogamento, desde o início da Operação Verão, em 21 de dezembro de 2018. Entre as vítimas, um menino de quase dois anos morreu em uma piscina de Guaratuba.