O corpo do menino Mateus Lamb, de apenas 11 anos, que morreu no sábado (29) ao ser arremessado do 6º andar de um prédio após a explosão do apartamento, em Curitiba, foi enterrado na tarde de hoje (30). Ele não resistiu aos ferimentos e morreu após uma cirurgia no Hospital do Trabalhador, na tarde deste sábado (29).

 

Foto: Reprodução Facebook.

 

A explosão aconteceu na na Rua Dom Pedro I, no bairro Água Verde. Mateus foi lançado para fora do apartamento, no sexto andar, e foi parar no térreo. Ele chegou a ser socorrido com vida, mas os ferimentos eram graves. O sepultamento foi realizado no Cemitério Jardim da Paz, no bairro Barreirinha, em Curitiba, por volta das 15h15.

Mateus era irmão de Raquel Lamb, de 23, que estava no apartamento com o marido, Gabriel Araújo, 29, e o técnico que faria  a impermeabilização, Caio Santos, de 30. O estado de saúde de Raquel e Caio inspira cuidado, já que ela possui 80% do corpo queimado e ele 30%.

O casal mora no imóvel e tinha recém se casado, há quatro meses. O irmão caçula estava no apartamento da irmã, em outro cômodo, quando houve a explosão.