Um comerciante de 37 anos, de Araucária, região metropolitana de Curitiba, deixou alguns moradores da cidade preocupados. Isso porque ele testou positivo para o coronavírus em Verê, na região Sudeste do Paraná, e deveria realizar isolamento de 15 dias. Mas, por não apresentar sintomas e para resolver problemas pessoais, antecipou a volta para a cidade metropolitana. A informação foi confirmada pela enfermeira Gabriella Carletto, da Secretaria Municipal de Saúde de Verê, em vídeo na rede social Facebook.

(Foto: Reprodução)

 

Segundo a enfermeira, o comerciante antecipou a viagem para Araucária alegando problemas pessoais. “Ele se antecedeu na ida para casa e deveria ter ficado no município antes de viajar. Toda a família dele foi devidamente isolada para evitar contágio. Nós mantínhamos contato com ele, quando recebemos a informação desta viagem”, explicou Gabriella Carletto.

Em vídeo de esclarecimento, o comerciante garantiu que cumpriu o isolamento, diferente do que foi passado pela enfermeira. “Estão falando que eu vim antes, mas eu esperei os 14 dias e ainda fiquei três dias isolado em Araucária. Posso ter pego o vírus em um cruzeiro no dia 8 de março, mas o resultado só saiu agora dia 30. Viajei já me sentindo bem e não tinha problemas de coronavírus. Agora, estou autorizado para voltar a sociedade”, afirmou.

De acordo com o comerciante, não houve contato com ninguém durante o período de transmissão em Araucária, diferente do que foi veiculado nas redes sociais. “Existe um comentário sobre isso, mas não tive contato com ninguém”, concluiu.

Sobre o caso, a Secretária de Saúde de Araucária enviou a seguinte nota:

A Secretaria de Saúde de Araucária (SESA) não pode se posicionar quanto detalhes deste caso que ganhou espaço nas redes sociais porque cabe à Secretaria de Estado da Saúde investigar todos os procedimentos e histórico para então confirmar ou não o caso para o município de Araucária. Mas a SESA pode esclarecer que, pelo período relatado, o homem já não apresenta possibilidade de transmitir o vírus. Após investigação com o paciente foi obtida a informação não foram identificados novos contatos. Segundo o paciente, ele permaneceu na casa de seus pais em Verê, não fez parada na estrada na viagem de volta a Araucária e ao chegar à sua casa nela permaneceu com seus familiares (que ficaram em isolamento com ele). Cumprindo assim o prazo de isolamento.