O ciclista profissional Williams Araújo Torres morreu atropelado por um carro na marginal da PR-323, na cidade de Paiçandu, na região metropolitana de Maringá, Norte do Paraná, na noite dessa sexta-feira (9). Segundo a Polícia Militar (PM), o motorista de 22 anos não era habilitado, mas também não apresentava sinais de embriaguez. No entanto, ele se recusou a fazer o teste de bafômetro. As informações são do Portal GMC.

 

Biciclista do atleta ficou destruída após acidente. Foto: GMC Online

 

A PM também informou que o motorista acabou indo embora para casa e será intimado no futuro para prestar depoimento ao delegado de Paiçandu. De acordo com a reportagem, o suspeito disse à equipe policial que o ciclista teria entrado repentinamente na pista e não teria dado tempo de parar.

A Polícia Civil local irá abrir um inquérito para apurar o acidente.

Ciclista

Foto: Reprodução/ Facebook

 

Torres é natural de Curitiba e treinava na capital, onde sempre participava de competições. Em suas redes sociais, sempre postava fotos de competições que participava e ganhava medalhas. Williams estava visitando amigos em Paiçandu e decidiu pedalar pela PR-323 na noite dessa sexta.

Para ler a matéria completa no Portal GMC, clique aqui.