A chuva de granizo acompanhada de fortes ventos que atingiu a Grande Curitiba, no final da tarde desta terça-feira (3), causou estragos e deu ‘cara de Europa’ para as regiões afetadas com um tapete branco parecido com neve sobre ruas, casas e carros. De acordo com boletim da Defesa Civil de Curitiba, até as 20h foram registradas 65 ocorrências de fornecimento de lona para residências que tiveram destelhamentos provocados pelo temporal.

 

Jockey Plaza Shopping, no bairro Tarumã, em Curitiba (Vídeo: Colaboração)

 

Duas quedas de árvore foram registradas, nas regionais Boqueirão e Tatuquara. Até o momento, não há relatos de vítimas ou pessoas que precisaram deixar suas casas por conta dos estragos (desabrigados ou desalojados). Equipes da Defesa Social e Trânsito, FAS e Meio Ambiente continuam mobilizadas para os atendimentos que se fizerem necessários e ainda podem ser registrados.

A maior parte das ocorrências concentra-se nas regionais Boa Vista, Bairro Novo, Tatuquara, Cajuru, Matriz e Boqueirão, ainda segundo a Defesa Civil.

Rodovias

A concessionária Ecovia divulgou imagens de câmeras de monitoramento da BR-277, no quilômetro 82 em Curitiba, e as pistas aparecem cobertas de granizo.

BR-277, km 82 (Foto: Divulgação/Ecovia)

Na BR-116, Contorno Leste, entre o km 103 e o km 106, em São José dos Pinhais, a chuva interditou totalmente o trecho, por volta das 18h, segundo a concessionária Arteris Litoral Sul.

No início da tarde, o meteorologista da Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), Reinaldo Olmar Kneib, já indicava áreas de instabilidade se desenvolvendo no Paraná sobre as regiões Central, Campos Gerais, centro sul, Sul e Sudoeste, divisa com Santa Catarina. “Até o período da noite novas áreas de instabilidade vão se desenvolver desde o Oeste até o Litoral do Estado e ocasionar mais pancadas de chuvas isoladas com incidência de trovoadas”, disse Kneib.

Ainda segundo o Simepar, no vídeo abaixo da cidade de Curitiba pode-se observar que a metade leste do município foi muito afetada pelo evento enquanto na metade oeste quase não se observa precipitação causada por esta tempestade. Assista:

 

 

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil alerta para a possibilidade de novas chuvas localizadas ao longo das próximas horas. Em caso de emergência, o cidadão deve recorrer aos telefones 199 (Defesa Civil – alagamentos), 153 (Guarda Municipal – fornecimento de lona), 156 (Central de Atendimento ao Cidadão da Prefeitura – quedas de árvore) e 193 (Corpo de Bombeiros – resgate).

Confira fotos e vídeos:

Capão da Imbuia, Curitiba

Vídeo: Colaboração

 

Vídeo: Colaboração

 

Tarumã, Curitiba

Vídeo: Colaboração

Foto: Antonio Marcos Bucco

 

Boa Vista, Curitiba

Vídeo: Colaboração

 

Boqueirão, Curitiba

Vídeo: Colaboração

 

Vídeo: Colaboração

 

Jardim das Américas, Curitiba

 

Vídeo: Colaboração

 

Linha Verde

Foto: Colaboração

 

Bairro Alto, Curitiba

 

Colombo, Região Metropolitana de Curitiba

Vídeo: Marcelo Borges