(Fotos: Flávia Barros – Banda B)

 

Uma colisão entre dois carros seguido de atropelamento deixou dois pedestres feridos no bairro Rebouças, em Curitiba, no fim da tarde desta terça-feira (5). Segundo testemunhas, um veículo Focus que seguia pela Rua Chile foi atingido por um Palio no cruzamento com a Lamenha Lins, e rodou na pista.

Em seguida, o automóvel atropelou duas pessoas, um homem de 65 anos e um jovem de 24, que estavam na calçada prontas para atravessar a rua. Com o impacto, os dois foram arremessados e o idoso acabou batendo contra um poste. O estado dele é gravíssimo, enquanto o rapaz mais novo sofreu ferimentos moderados.

De acordo com o tenente Latuf, do Corpo de Bombeiros, não há informações oficiais sobre a causa da colisão. “Nós não sabemos ao certo as circunstâncias do acidente, se um dos veículos estava em situação irregular ou cruzou a preferencial, avançando o semáforo. No local, nos repassaram apenas que houve uma colisão seguida de atropelamento”, disse em entrevista à Banda B.

Pela dinâmica da batida, segundo ele, tudo indica que o idoso e o jovem estavam na calçada. “Eles foram lançados a uma certa distância do cruzamento onde ocorreu a batida. Os dois foram socorridos ao Hospital do Trabalhador. Já os condutores dos veículos tiveram ferimentos leves, foram avaliados e liberados do local”, completou o tenente.

Versões conflitantes

O motorista do Focus afirmou à reportagem que o sinal abriu para ele na Rua Chile e, assim que avançou, foi atingido por outro carro, guiado por uma senhora, que vinha pela Lamenha Lins. Ele relatou que o veículo rodou e bateu nas pessoas que estavam na calçada, e que não teve tempo de desviá-las.

Já a motorista do Palio negou que tenha furado a preferencial. A mulher declarou que o semáforo estava amarelo para ela, que passou pela via e acabou colidindo contra o Focus, que seguia em uma velocidade alta.