A deputada estadual Maria Victoria (PP) poderá integrar a chapa de reeleição de Rafael Greca (DEM) como vice-prefeita nas eleições municipais de Curitiba. O deputado federal e pai da parlamentar, Ricardo Barros (PP-PR), garantiu que essa é uma das principais costuras para a política regional do partido. Caso não integre a chapa atual do prefeito Greca, Maria Victoria terá sua candidatura própria na corrida pela Prefeitura de Curitiba.

“O partido ainda não tem uma posição definida em Curitiba. Nós temos duas alternativas, ou a indicaremos a vice do Rafael Greca ou vamos disputar com candidatura própria. Esse é o desenho que está estabelecido e obviamente que teremos de aguardar o prazo final das convenções para poder tomar essa posição”, disse ele, em entrevista à Banda B, na manhã desta quarta-feira (19).

 

Prefeito Rafael Greca e a deputada estadual Maria Victoria. Foto: Reprodução

 

Segundo o líder do Governo na Câmara, Barros relembrou o apoio da filha no segundo turno das eleições de 2016. “Maria Vitória apoiou o prefeito Rafael Greca lá no segundo turno, declarou seu apoio em um momento em que ele estava ainda a quatro pontos atrás de Ney Leprevost, que liderava a pesquisa naquele momento. Então, o prefeito é nosso amigo pessoal, pessoa do nosso relacionamento, temos uma amizade com ele, mas isso não tem nada a ver com a nossa atividade partidária. O partido precisa estar presente no processo eleitoral e estará presente, ou com a vice ou como a candidatura própria”, anunciou.

Veja a entrevista na íntegra: