A perda do pai na terça-feira e o furto do cão Buck, de quatro meses, deixa um caos a vida da família de Aline Sbrissia, de 26 anos. Bandidos invadiram a casa deles no Centro de Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, levaram eletrônicos e também o xodó da família, da raça American Bully.

 

O cão era um porto seguro da família, especialmente após a morte do pai de Aline. “Perdi meu pai na terça-feira e o cão servia de apoio emocional para a nossa família, especialmente meu filho, de sete anos. Precisamos do cachorro com urgência”, disse à Banda B, em entrevista na manhã deste domingo (8).

A invasão à residência da família aconteceu na última sexta-feira (6), depois que marginais arrombaram o portão. “Sai de casa na sexta-feira, por volta das 13h30, e quando voltei, às 17h30, não estava mais o cadeado do portão. Vi que não estava mais a televisão, outros eletrônicos e nisso tudo percebemos que não estava mais lá o nosso cachorro”, lamentou.

Desde então, a família tem feito campanhas nas redes sociais para localizar Buck, mas até agora apenas trotes. “Recebi três golpes de pessoas querendo dinheiro, afirmando que estavam com o meu cachorro e objetos. Acredito que feitos de penitenciarias. Lamentável tudo isso”, concluiu.

Quem tiver informações sobre o cão pode ligar a Aline no número: 98821 9621.