Após a publicação de diversas imagens de aglomeração e até mesmo de banda ao vivo, uma casa noturna do Centro de Curitiba foi obrigada a fechar as portas. A confirmação foi feita pelo próprio estabelecimento nas redes sociais, ao longo deste domingo (1), que informou ainda que o fechamento ocorreu após uma notificação. À Banda B, o Sindicato das Empresas de Gastronomia, Entretenimento e Similares de Curitiba (Sindiabrabar) lamentou as imagens nesta segunda-feira (2).

De acordo com o decreto publicado no último dia 9 de outubro, casas noturnas ainda não estão autorizadas a funcionar, mas muitas tem aberto na modalidade bar. Aqui vale o destaque de que os estabelecimentos precisam fechar até 23 horas. Outro ponto que evidencia a restrição tem relação com as casas de festa, que estão autorizadas a funcionar, também até 23 horas. Neste caso, a música ao vivo até está permitida, desde que com a pista de dança fechada.

Nas imagens, que foram enviadas à Banda B, é possível observar o desrespeito às normas sanitárias no Vitto Bar. Em um dos vídeos, um grande grupo de pessoas se reúne em torno de um palco com música ao vivo.

ReproduçãoReprodução

O presidente do Sindicato das Empresas de Gastronomia, Entretenimento e Similares de Curitiba (Sindiabrabar), Gustavo Grassi, lamentou as imagens. “Há todo um esforço de orientar os empresários, para cumprir decreto e fazer tudo certinho, mas parece que eles seguem o que o outro está fazendo de errado. É lamentável uma situação dessa, já que ainda estamos em uma pandemia. Se um descumprimento de decreto acontece, isso denigre todo o setor”, disse.

A Banda B entrou em contato com a Prefeitura de Curitiba, que confirmou que já havia recebido denúncias contra o estabelecimento. A administração municipal, porém, não conseguiu confirmar nesta segunda-feira (2) se o fechamento foi feito pela Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU).

Outro lado

Após o fechamento, o Vitto Bar se posicionou por meio de redes sociais. O estabelecimento promete retomar as atividades assim que possível.

Confira na íntegra:

“Ao longo da semana viemos sofrendo diversos ataques de muitos perfis fakes, que usavam imagens de nossos clientes se divertindo para nos atacar. Devido a aglomeração que estava aqui com todo mundo animado dançando, fomos notificados e tivemos que fechar as portas. Vamos resolver tudo e, assim que possível, retornaremos. Fiquem atentos que em breve divulgaremos mais informações. Pedimos desculpas a todos nossos clientes, aos que estavam presentes, e aos que planejavam estar aqui esse final de semana. Nossa intenção nunca foi causar desconforto ou ser negligente, só queríamos trabalhar depois de sete meses fechados e proporcionar o melhor entretenimento. Obrigada a cada um de vocês que fizeram nossas noites serem memoráveis. Em breve retornamos. Até breve!