O sorteio para definir as urnas eletrônicas que passarão por auditoria no primeiro turno das eleições (15), aconteceu neste sábado (14), no auditório do edifício-sede do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), em Curitiba. Os procedimentos de auditoria, realizados com a participação dos entes fiscalizadores, têm o objetivo de verificar o funcionamento, a transparência e a segurança do equipamento de votação.

Foto: Reprodução/YouTube

São dois tipos de procedimentos: a Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas e a Auditoria de Verificação da Autenticidade e Integridade dos Sistemas. O Paraná conta com 20.745 seções eleitorais, das quais 1.238 não participaram do sorteio, por serem consideradas de difícil acesso.

O presidente do TRE-PR, desembargador Tito Campos de Paula, que realizou a abertura da cerimônia, comentou que a Justiça Eleitoral está em contagem regressiva para as Eleições Municipais 2020. “É com muita satisfação que informamos que ontem 60% das urnas já estavam distribuídas, inclusive aquelas dos locais mais remotos e de difícil acesso”, declarou.

O presidente da Comissão de Auditoria da Votação Eletrônica do TRE-PR, Dr. Helder Luis Henrique Taguchi, reafirmou a segurança do equipamento de votação. “A urna eletrônica é segura e inviolável não apenas pela qualidade do seu sistema e pela estrita observância dos protocolos de segurança, mas também pela simplicidade de seu funcionamento, pois ela só armazena a relação de eleitores da seção e a listagem dos candidatos”, disse.

Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas

Testa, no dia da eleição, o funcionamento do equipamento em condições normais de uso. Foram sorteadas quatro urnas de todo o Paraná, que serão transportadas até Curitiba. Elas vão ser substituídas no local de votação por outras de contingência. Confira as seções sorteadas:

– Seção 443 da 2ª Zona Eleitoral de Curitiba (localizada no Colégio Madalena Sofia, na Rua Santa Madalena Sofia Barat, 809);

– Seção 193 da 66ª Zona Eleitoral de Maringá (localizada no Colégio Estadual Alberto Jackson Byington Junior, na Rua Saint Hilare, 1318);

– Seção 23 da 25ª Zona Eleitoral de Cambará (localizada na Escola Estadual Dr. Generoso Marques, na Rua Otávio Rodrigues Ferreira Filho, 1137);

– Seção 20 da 7ª Zona Eleitoral de Cerro Azul (localizada na Escola Rural Municipal São Sebastião, na Rua Principa, S/N).

Auditoria de Verificação da Autenticidade e Integridade dos Sistemas

Realizada nos próprios locais de votação, no dia da eleição, verifica as assinaturas e resumos digitais do sistema da urna eletrônica em momento anterior à zerésima (relatório emitido antes de os eleitores votarem para comprovar que não há votos registrados previamente). Ao todo, para a auditoria, foram sorteadas oito seções:

– Seção 440 da 176ª Zona Eleitoral de Curitiba (localizada na Colégio Estadual Homero Baptista de Barros, na Rua Fernandes Vieira, 17);

– Seção 52 da 170ª Zona Eleitoral de Mamborê (localizada no Colégio São Luiz Gonzaga (Guarani), na Avenida Prefeito Armando Alves de Souza, 847);

– Seção 45 da 68ª Zona Eleitoral de Cascavel (localizada no Colégio Cristo Rei (particular), na Rua Marechal Floriano, 3364;

– Seção 240 da 10ª Zona Eleitoral de Lapa (localizada na Escola Municipal Emilia M Ferreira do Amaral, na Rua Santa Catarina, 368);

– Seção 100 da 124ª Zona Eleitoral de Nova Santa Rosa (localizada na Escola Municipal Getúlio Vargas, na Rua Tucunduva, 1033);

– Seção 36 da 167ª Zona Eleitoral de Ortigueira (localizada no Posto de Saúde Serra dos Mulatos, na BR 376 Km 318);

– Seção 348 da 50ª Zona Eleitoral de Contenda (localizada na Escola Municipal João Franco, na Avenida João Franco, 442);

– Seção 116 da 72ª Zona Eleitoral de Paranavaí (localizada na Escola Municipal Jayme Canet, na Rua Ettore Giovine, 1320).