Diariamente acessamos nossos celulares e nossos computadores para nos mantermos em contato com nossos amigos, para trabalhar e para nos atualizarmos com o que ocorre ao nosso redor e no mundo como um todo.

É muito difícil achar quem não tenha um celular e que não faça parte das redes sociais.

Com os celulares nas mãos as pessoas em média acessam diariamente as redes sociais acima de 100 vezes, principalmente o facebook e o WhatsApp.

E as vezes recebemos mensagens que ao final solicita “mande essa mensagem para 10 amigos”.

O que muitos não sabem é que muitas dessas mensagens contêm em seu interior um vírus, e quando a pessoa que o recebeu o abre, acaba por ativar esse vírus que irá acessar o conteúdo dos seus arquivos.

Muitas pessoas usam redes bancárias e efetuam pagamentos através do celular, por isso tomem cuidado e não fiquem repassando essas correntes, pois como falei esse sistema acaba se tornando uma verdadeira “pirâmide”, pois se uma pessoa repassar para 10 e as 10 repassarem já serão 100 pessoas alcançadas por essa mensagem. Imaginem isso viralizando nas redes sociais, a quantidade de pessoas que serão atingidas.

Outro cuidado a se tomar é evitar a exposição excessiva dos dados pessoais nas redes sociais.

Todos os dias vemos notícias sobre o crime do “falso sequestro”, onde os marginais escolhem suas vítimas através das redes sociais, pois lá encontram todas as informações que necessitam para ao ligar pressionar psicologicamente suas vítimas e as ameaçar alegando que estão com alguém da família e que se não pagarem o exigido as irão matar.

Por isso saibam que em um sequestro, o marginal não fica pressionando a pessoa para não desligar o telefone.

Por isso se receberem uma ligação desse tipo, a primeira providência é terem a consciência de que 99,99% das vezes será um marginal presos que está fazendo a ligação de sua cela.

Então mantenham a calma e digam para o marginal que está do outro lado da linha dar uma prova de que está com o refém.

E de imediato procurem manter contato com a pessoa que dizem que está sob poder do marginal e assim verão que é apenas um golpe.

E os marginais usam expressões como “sei onde você mora”, “sei a sua conta bancária”, “sei o que você tem no banco”, mas se perceberam são apenas coisas que todos têm – endereço – conta no banco.

POR ISSO REPITO – MANTENHAM A CALMA E AJAM COM TRANQUILIDADE PARA NÃO SEREM LESADOS PELOS MARGINAIS. Para tirar dúvidas mande um e-mail para [email protected]