A  palavra por si só já é auto explicativa. Sustentabilidade se dá quando a um produto, matéria-prima, biodiversidade, finanças e ou, relacionado a se auto sustentável, se mantém por si só. Além da definição no que se refere ao tripé, onde os fatores  de meio ambiente, econômico e fatores sociais.

Aproveitando o tripé da sustentabilidade, onde eu incluiria um quarto pilar que seria a qualidade de vida das pessoas, neste momento entendo que temos que promover uma reflexão sobre o tema, sobre as questões culturais envolvidas, as questões de legislação, bem como de políticas públicas relacionadas ao tema. A importância de estarmos atentos as demandas e possibilidades que envolvem o tema.

A preservação ambiental, o impacto que o lixo causa e até mesmo as questões econômicas e sociais, unidas a inovação sem dúvida pode e muito contribuir para o desenvolvimento humano e do ecossistema. O que certamente irá trazer a todos uma melhor qualidade de vida.

  • Evandro Razzoto  é coordenador de Ciência e Tecnologia da SETI – Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Governo do Estado do Paraná. Professor da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), consultor e palestrante ambiental. Além disso, escreveu o livro Eco Sustentabilidade: Dicas para tornar você e sua empresa sustentável, em que fala principalmente sobre como conciliar os três pilares da sustentabilidade (crescimento econômico, responsabilidade social e preservação ambiental) na gestão e marketing das empresas