Os ODS, mais conhecidos como a ‘agenda 2030’, é um plano de ação, liderado pela ONU, para as pessoas, para o planeta e pata a prosperidade. Busca fortalecer a paz universal com mais liberdade. Debates como a erradicação da pobreza em todas as formas e dimensões, incluindo a pobreza extrema, é o maior desafio global e um requisito indispensável para o desenvolvimento sustentável.

 

Todos os países e todas as partes interessadas, de forma colaborativa, ao aderirem o plano a ser implementado. Totalizando 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e 169 metas. Dentro deste cenário temos a possibilidade de fomentar uma rede de atores dos setores público e privado, estudantes e pessoas que entendem a importância do tema. Assim sendo, a mudança e a construção deste processo certamente são uma fonte transformadora.

Tenho acompanhado o trabalho desenvolvido neste processo onde o engajamento de todos tem levado a uma evolução cada vez maior. Debater o tema, levar os alunos a produzirem soluções relacionadas ao tema, tem preparado os jovens a busca por uma melhor qualificação profissional. A busca pelo equilíbrio no tripé da sustentabilidade, o econômico, o social e o ambiental irá levar o mundo a reequilibrar o planeta sem causar maiores danos do que os já existentes.

Caso tenha curiosidade, procure maiores informações sobre as ODS e leve pra sua empresa, sua vida, seu trabalho, sua casa e sua escola. Podemos evoluir e de uma forma conjunta tornar o ambiente em que vivemos melhor. São 17 motivos para sermos melhores e hoje mesmo fazermos a diferença que nosso mundo tanto precisa.

*Evandro Razzoto  é coordenador de Ciência e Tecnologia da SETI – Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Governo do Estado do Paraná. Professor da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), consultor e palestrante ambiental. Além disso, escreveu o livro Eco Sustentabilidade: Dicas para tornar você e sua empresa sustentável, em que fala principalmente sobre como conciliar os três pilares da sustentabilidade (crescimento econômico, responsabilidade social e preservação ambiental) na gestão e marketing das empresas