Em comemoração ao Dia da Árvore, que é comemorado no dia 21 de Setembro, gostaria de falar um pouco sobre a importância da mesma, em especial nos centros urbanos, relacionando oxigênio com a poluição.

Foto: Brasil escola

Como curiosidade e para relembrar os fatos, este dia foi escolhido por anteceder o início da Primavera no hemisfério sul, que pode acontecer nos dias 22 ou 23 também. Apesar de ser comemorado ainda nos dias de hoje, foi substituído pela Festa Anual das Árvores. Mesmo assim, é lembrado neste período por escolas e a mídia.  O dia se faz importante pela preservação e impacto que as árvores tem no Planeta, para a saúde, ecossistema e a biodiversidade em geral.

Como reflexão, gostaria de retratar a importância da arborização nos grandes centros e em especial o REPLANTIO das árvores ao longo do tempo. Isto mesmo, não adianta plantar algumas espécies de árvores e deixá-las. Elas além de em algum momento não fornecer mais CO2, podem em virtude do crescimento cair, apodrecer e ou impactar de alguma maneira negativa. O manejo, a política pública de replantio, manejo e manutenção das mesmas se faz necessário.

Algumas cidades como Curitiba e Maringá, que são modelo de cidades arborizadas, precisam urgentemente repensar, através do poder público sim, mas em especial de uma educação, esta que as crianças, com uma visão e mudança de cultura, construir o ambiente urbano de forma mais adequada e buscando a qualidade de vida das pessoas.  Não temos dúvida de que o ambiente onde vivemos será muito melhor com a preservação, o replantio e os benefícios das árvores. Preserve, plante, faça a sua parte e viva melhor!