Todos nós estamos acostumados e acomodados com a iluminação. Quando falta luz ficamos desesperados e logo vamos em busca de achar aquela vela escondida em uma gaveta. Alguns preferem a lanterna comum ou a do celular. O fato é que as lâmpadas fazem parte de nosso dia a dia.

Nos últimos anos a mudança tem acontecido nos hábitos e costumes desde a compra até o destino das lâmpadas. Mas o que temos feito neste processo de transformação?

 

Das lâmpadas incandescentes até as lâmpadas de LED.  Da iluminação pública até o uso residencial. Pode não parecer mas a economia pode ser de até 90% na conta de luz, sem contar no aumento da luminosidade e da durabilidade.  Com a tendência do custo energético cada vez mais alto, as alternativas podem ajudar e muito na redução do custo. Costumo dizer sempre em minhas palestras que a sua atitude sustentável, reduzindo o consumo do custo da  energia em R$50,00 ao mês. Pode não parecer mas ajuda e muito. Quem sabe pode resultar em uma compra de uma bolsa ou sapato. Para as mulheres, sempre será útil.

Com estas mudanças, a informação, o conhecimento e a mudança de comportamento certamente pode e muito ajudar além da redução do custo energético, no aumento do giro da economia e da qualidade de vida das pessoas.  Meu desejo de que tais informações sejam relevantes e o ajude a economizar. Afinal, seu bolso e quem sabe seu bem estar, agradecem. Uma atitude sustentável pode mudar o mundo.

*Evandro Razzoto  é coordenador de Ciência e Tecnologia da SETI – Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Governo do Estado do Paraná. Professor da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), consultor e palestrante ambiental. Além disso, escreveu o livro Eco Sustentabilidade: Dicas para tornar você e sua empresa sustentável, em que fala principalmente sobre como conciliar os três pilares da sustentabilidade (crescimento econômico, responsabilidade social e preservação ambiental) na gestão e marketing das empresas