da esq. para dir. - Des. Antonio Loyola, Ademar Traiano, Luiz Carlos Martins, Avelino Hass

da esq. para dir. – Des. Antonio Loyola, Ademar Traiano, Luiz Carlos Martins, Avelino Hass

Oportunas lições de História do Paraná desfilaram nos discursos que o médico José Candido Muricy e o deputado Luiz Carlos Martins fizeram durante a solenidade de entrega do título de Cidadão Benemérito do Paraná àquele profissional da Medicina, em solenidade na Assembleia Legislativa, neste mês.

A proposta da homenagem foi de Luiz Carlos Martins.

Na fala de Muricy, pontuada por uma impressionante retrospectiva de momentos da vida do homenageado, acabamos por compreender também alguns capítulos da história atual do Paraná. A maioria deles, vividos no século 20, boa parte no século 19, com as ações de seu bisavô, o Dr. Muricy.

MUNDO DO ESPORTE

Os discursos expuseram sobretudo capítulos dos quais Muricy foi também ator.

Assim, em alguns deles, o médico está presente, por exemplo, como campeão de basquetebol em diversas etapas paranaenses e suas seleções.

E mais que isso: ele se expôs igualmente como o criador e incentivador dos campeonatos de seniores de bola ao cesto, proposta que já levou o Paraná a disputas mundiais da categoria.

FORMAÇÃO DE PRIMEIRA

Quem associa o Muricy dos dias atuais – um disputado especialista em cirurgias de restauração capilar -, está certo. Nisso ele é um campeão.

Mas para chegar ao referencial nacional que é hoje, o curitibano passou por longo e consistente aprendizado em amplas áreas médicas. A começar pelo atendimento, por 21 anos, no antigo INAMPS, em que sobretudo desenvolveu cirurgias plásticas restauradoras, devolvendo qualidade de vida a um sem número de pacientes.

MESTRE GIOCONDO

O então considerado “bisturi de ouro do Brasil”, o médico Giocondo Villanova Artigas foi quem mais formou o cirurgião Muricy: primeiro quando o colocou- sob sua orientação; essa rara oportunidade dada ao jovem então doutorando, ainda acadêmico, estendeu-se depois por mais quatro anos, com Muricy fazendo residência no Hospital NS da Graças, sob a direção de Giocondo.

EMPREENDEDOR

Na verdade, a solidez profissional levou-o depois a trabalhar com medicina geral na Prefeitura, no antigo Samdu e em clínicas e hospitais particulares.

Mas a vocação para cirurgia prevaleceu. Por isso, fez anos de especialização em cirurgia na Espanha e No México.

Um dos grandes momentos de Muricy foi a criação da Clinihauer, uma das primeiras empresas de planos de saúde.

CLINIHAUER

A Clinihauer foi empreendimento que se marcou pelos cuidados de uma medicina de primeira linha, depois ampliada com a criação do Hospital Milton Muricy (nome do pai).

SÓ POR COERÊNCIA

A venda, nos anos 2000, da Clinihauer a um grupo médico internacional, significou nova expressão de coerência e fidelidade ética de José Candido Muricy: ele preferiu desfazer-se do empreendimento vitorioso, com muitos milhares de associados, do que deixar de oferecer medicina de qualidade.

BISAVÔ

No deambular de sua história de vida, com direito a olhar instituições de Curitiba, como o Colégio Santa Maria, onde estudou, e foi a parte substantiva de suas raízes.

Lembrou especialmente a vida e obra de seu bisavô paterno, Dr. Muricy, que dá nome a rua central de Curitiba, o médico que o Imperador mandou de Salvador para Curitiba para atender às necessidades da Capital.

UM ÍCONE DA CIDADE

“Meu avô virou uma personagem indissociável da vida da cidade”, recordou José Candido, ao enumerar grandes momentos do clínico: ele foi um dos fundadores da Santa Casa de Curitiba e também foi parte do grupo que fundou o Museu Paranaense. Mas foi – assegurou o homenageado – especialmente um devotado ao atendimento médico, levando multidões, literalmente, ao seu consultório na área central. Um trabalho em que a remuneração material pouco importava, disse.

José Candido fez momentos de reverência ao pai e à mãe, que, com sacrifícios, o levaram a formar-se médico e, assim, realizar-se como ser humano que nunca pensou em outra realidade senão e de preparar para o sacerdócio médico.

O atual Hospital Dr. Muricy, em Curitiba, especializado em procedimentos de cirurgias de média complexidade, é onde o agora benemérito paranaense atua, diariamente. E de onde irradia ações que o projetam Brasil a fora.

Prof. Avelino Hass - Presidente da Academia Paranaense de Medicina

Prof. Avelino Hass – Presidente da Academia Paranaense de Medicina

LEIA A COLUNA COMPLETA AQUI