Depois de algumas semanas que provocaram muitas preocupações entre seus familiares e amigos, resultado de muitas novas dificuldades de saúde física, Jaime Lerner retornou ao convívio de seus colaboradores no Instituto Jaime, e a um grupo muito próximo com os quais habitualmente almoçava pelo menos uma vez por mês.

Jaime Lerner com Dante e Maí Mendonça: bons momentos

 

Foi no último sábado passado que Lerner, depois de ter admitido que “quase passei para o outro lado”, almoçou com seu pessoal mais próximo, estando entre eles Dante Mendonça e Maí Nascimento, Fábio Campana, Carlos Deiró, Deonísio Silva.

Segundo testemunho de um dos mais próximos e fieis guardiães da vida e obra de Lerner, Dante Mendonça, JL está mais afiado do que nunca. Anda com dificuldades, é certo, “mas a cabeça continua uma preciosidade, revê obras e analisa com sabedoria crítica o momento em que o país vive. Continua dando lições, sem promover estardalhaços e fazer mise-en-scène”, completa Dante.