Padre Joaquim Parron, redentorista

Padre Joaquim Parron, Redentorista, personalidade do meu livro “Vozes do Paraná”, Volume 5, tem estado muito ativo desde o início da pandemia. Além de professor na Faculdade Claretiana, Studium Theologicum, tem coordenado a ação social na Vila Torres e em outros bairros de Curitiba. Coloca seu espírito empreendedor para ajudar os mais vulneráveis nesse tempo de crise sanitária e econômica, sem falar em política.

Atuando junto com os Maristas e as Irmãs Vicentinas e Bernardinas, Padre Parron tem contribuído na captação e doação de mais de 10 mil cestas básicas aos necessitados desde março. É um trabalho extenso que se desdobra em várias áreas.

Um projeto com várias áreas

O Projeto SOS Vila Torres, mas que também atende outros bairros, consiste em cinco áreas:

1.Dar marmitas aos que passam fome;
2.Cestas básicas para as famílias desempregadas e os que vivem na informalidade;
3.Material de higiene e máscara para evitar o contágio do Covid-19;
4.Assistência no Cadastro da Ajuda Emergencial do Governo Federal;
5.Economia solidária

“É um trabalho que tem ajudado muitas pessoas. Ajudamos mais de 400 pessoas que vivem dos recicláveis a fazerem ao cadastro para receber a ajuda emergencial, pois muitos não têm acesso ao celular ou ao computador. Também foram entregues mais de sete mil máscaras e materiais de limpeza para evitar o contágio. Tudo isso fazemos com as equipes articuladas da Capela Nossa Senhora Aparecida, da Vila Torres”, afirma padre Parron.

A campanha das cestas básicas tem sido constante, pois para muitos falta o essencial na casa, de modo especial a comida.

 

A necessidade aumenta

Cada dia aumenta mais a demanda de cestas básicas, pois muitos são desempregados e a informalidade tem levado as pessoas a reduzirem as suas receitas. É notável o crescimento da pobreza nas periferias de Curitiba. “Por isso apelamos para que mais pessoas possam fazer a sua doação de alimentos para aqueles que passam necessidades”, ressalta padre Parron.

A entrega das doações é realizada de maneira organizada: voluntários fazem um cadastro para cada família que recebe as doações, verificando a verdadeira necessidade.

Quem puder contribuir com essa Campanha pode doar alimentos não perecíveis ou materiais de higiene no seguinte endereço: Rua Guabirotuba, 770 – Vila Torres – Capela Nossa Senhora Aparecida – Curitiba.

 

*Este texto não reflete, necessariamente, a opinião da Banda B.


Leia mais em www.aroldomura.com.br