Depois da passagem de Fernando Xavier Ferreira, que foi diretor geral da Itaipu, final dos 1980, quando fez centenas de milhões de dólares de economia para a binacional, agora é a vez do general Silva e Luna marcar-se com administrador notável.

General Silva e Luna: novos tempos (foto: Alan Santos/PR); Fernando Xavier Ferreira: foi bom exemplo

 

Neste dia 21, completando seis meses como diretor geral do lado brasileiro de Itaipu, o general conseguiu resultados inimagináveis. Não foi apenas economia que garantiu aos cofres da empresa, ao decretar rigor extremo nos gastos.

Silva e Luna mostrou visão de administrador comprometido com a História e com o momento de dificuldades que o país vive.

HOSPITAL E AEROPORTO

Assim, entre seus feitos, conseguiu remanejar verbas, como as de patrocínio, que até jogo de futebol patrocinavam, para obras essenciais para Foz do Iguaçu. Destinou recursos para o Hospital Costa Cavalcanti, grande referencial hospitalar de alta complexidade da área; verbas para o pátio e pista de manobras do aeroporto da cidade e – não menos importante -, dinheiro para o início das obras da nova ponte internacional.

Salve, pois, o general Luna, exemplar, homem de pouca conversa, mas de muitas ações.

Ele conseguiu ganhos de austeridade em Itaipu, enxugando custos.

Elementar, não?

Para ler a coluna completa do blog Aroldo Murá, clique aqui.