Caro jornalista,

Peço registrar esse trecho da última encíclica do papa Francisco. É lapidar, obriga aos homens e mulheres de boa vontade enxergarem o transcendente das palavras do pontífice, o grande líder mundial do século. Eis o trecho:

“Alimentamo-nos com sonhos de esplendor e grandeza e terminamos comendo distração, prisão e solidão; fartamo-nos de conexões e perdemos o sabor da fraternidade. Buscamos o resultado rápido e seguro e nos vemos esmagados pela impaciência e ansiedade. Presos pela virtualidade, perdemos o gosto e o sabor da realidade (Papa Francisco, Fratelli Tutti, 2020).

JORGE EUSTÁQUIO WALBACH, Porto Alegre

 

*Este texto não reflete, necessariamente, a opinião da Banda B.


Leia mais em www.aroldomura.com.br