Um vendedor de roupa de 25 anos foi atingido com pelo menos dez tiros na noite desta terça-feira (8) no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Ele foi socorrido com vida ao Hospital Trabalhador, mas não resistiu ao ferimentos e morreu durante a madrugada. A família de Geraldo Fernando contou que o vendedor tinha ido cobrar um devedor.

Geraldo estava com seu carro estacionado na rua Jussara esquina com a David Tows quando por volta das 23 horas foi baleado por um homem. Ninguém soube dizer quem atirou contra ele, mas testemunhas afirmaram ter visto um veículo Corsa prata fugindo do local. A família da vítima não sabia apontar o motivo do crime, no entanto disseram à Polícia Militar (PM) que ele teria ido ao local para cobrar um devedor.

“Encontramos ele dentro do carro com muitos ferimentos. Ele parecia em óbito porque não se mexia e estava quase sem pulsação. Fizemos todo o procedimento e conseguimos trazê-lo ao hospital com vida, mas muito grave”, disse o médico Misael, em entrevista à Banda B. De acordo com os socorristas, a vítima teve ferimento em crânio, com perda de massa encefálica, dois ferimentos no tórax, abdômen, braço, coxa.

A Delegacia de Homicídios vai investigar o crime.