Um homem de 29 anos foi parar no Hospital Cajuru, em Curitiba, depois de ser violentamente agredido por alguns homens que o tiraram da casa em que mora com a mãe, no Jardim Boa Vista II, em Campo Magro, região metropolitana de Curitiba, na noite desta segunda-feira (25). Ao lado do filho no hospital, a mãe de Sidnei confessou que ele era envolvido com as drogas: “Devendo ele não estava. Tá aqui porque fazia a ‘piazada’ entrar nas casas roubar as coisas para ele”, confessou à Banda B.

A mãe descreveu que tentou de tudo para tirar o filho das drogas. “Falar a gente fala, mas não adianta. Aconselhei e fiz o que pude, mas não tem o que fazer. Acho que estou perdendo um filho, porque o estado de saúde dele é muito grave”, falou.

Ela também aproveitou para pedir mais segurança na região. “Lá está abandonado. Os traficantes estão abusando mesmo. É criança vendendo drogas, não é fácil e ninguém faz nada”, descreveu.

De acordo com o cabo Cordeiro, do Siate, o estado de saúde da vítima é gravíssimo. “Uma vítima de agressão com trauma importante em cabeça. Chegou inconsciente ao hospital e agora ele está sendo avaliado melhor. Tem também algumas contusões em tórax, mas o que agravou seu estado são os ferimentos na cabeça”, relatou.

A Delegacia de Colombo, responsável por Campo Magro, investiga o caso.