Por Marina Sequinel

As notas falsas são de alta qualidade, segundo o comerciante. (Fotos: Banda B)

Um comerciante de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, sofreu um prejuízo de quase R$ 4 mil depois de ter sido vítima de golpistas no fim da noite desta terça-feira (13). Um grupo de turistas que falava apenas espanhol passou notas falsas de dólar na hora de pagar a compra na loja de departamentos, localizada na Avenida Jacob Macanhan.

“Primeiro, chegaram dois deles, dizendo que seguiriam para Morretes e que precisavam de roupas de praia, já que só tinham peças de frio na mala. Eles escolheram bermudas, camisetas e pediram para pagar em dólar. Eu disse que não aceitava, mas eles insistiram”, disse o dono da loja em entrevista à Banda B nesta quarta-feira (14).

Depois que a dupla fez as compras, um grupo maior de turistas entrou no estabelecimento, todos querendo pagar as mercadorias em dólar. “Eu conferi tudo certinho, olhei como estava a cotação na hora para cobrar. Essa é uma falsificação de alta qualidade, as notas não foram impressas em uma máquina qualquer. Eu só fui descobrir a fraude mais tarde, antes de chegar na casa de câmbio. Pelas imagens, dá para ver que eles pegam o dinheiro da mesma carteira”, completou o comerciante.

Os turistas deixaram com o lojista 10 notas de 100 dólares. A vítima já procurou a Polícia Federal (PF) para registrar a ocorrência. “Não adianta ser bonzinho, fica só o prejuízo. Infelizmente, vivemos em um lugar onde não dá para ajudar desconhecidos. Temos que estar sempre alertas”, concluiu.

A PF deve, agora, analisar as imagens das câmeras de segurança do estabelecimento e investigar o caso.