A Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV apresentou à imprensa nesta quarta-feira (6) Adilson Soares Rodrigues, 25 anos, Everton Muniz Alexandre, 19 anos, e Patricia Alessandra dos Santos, 24 anos, por roubo qualificado. Eles ainda estavam com os sinais das agressões que sofreram depois de terem assaltado um taxista e serem espancados por colegas de profissão das vítimas.

Divulgação

Segundo a polícia, o trio de assaltantes solicitou, na madrugada de segunda, os serviços de um taxista, pedindo a ele uma corrida para São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Durante o caminho, os criminosos deram voz de assalto mandando a vítima descer do veículo. Logo após o assalto, a

vítima conseguiu entrar em contato com os outros taxistas que se uniram em um grande número localizando e rendendo os acusados até a chegada da polícia.

Durante a apresentação, os suspeitos ainda tinham sinais de agressão.