Por Elizangela Jubanski e Juliano Cunha

triplo-araucaria20092013

Avô de uma das vítimas disse não saber da vida do neto. Foto: JC/Banda B

Três jovens foram assassinados em frente a um bar na bairro Capela Velha, em Araucária, região metropolitana de Curitiba, na noite desta quinta-feira (19). Joelson Dias Bueno, 21 anos, Alex de Souza Januário, 20 anos, e a terceira vítima, que ainda não foi identificada, foram mortos com tiros na cabeça. Os autores fugiram com dois carros. Duas pessoas foram presas, mas não há confirmação se a dupla está envolvida neste crime.

O triplo homicídio aconteceu na Rua Pomba, quando os amigos estavam conversando em frente a esse bar. Cinco homens que estavam em dois carros estacionaram próximo dos jovens, desceram do veículo e dispararam tiros contra eles.

O avô de Alex, Horário Souza, disse não saber os motivos do crime, pois o jovem não falava sobre a vida dele à família. “Não sei de nada, nada, nada. Só me ligaram dizendo que tinham atirado nele e, então, vim aqui. Ele não falava muito sobre a vida dele”, contou o avô.

O cabo Moreira, do 17° Batalhão da Polícia Militar, tinha poucas informações sobre o crime. “Pelas perfurações foi utilizado uma pistola no crime. Os jovens eram moradores daqui, mas a gente não sabe de muita coisa”, explicou.

Pessoas que viram o crime contaram que os criminosos fugiram em um Gol e um Peugeot. Durante a fuga, já no bairro Roça Grande, o Peugeot estragou e os homens roubaram um Astra para continuar fugindo. Como o carro tinha sistema de segurança, parou logo em seguida, quando eles decidiram continuar a fuga de ônibus.

Por volta das 23 horas, dois rapazes foram detidos com um revólver dentro de um ônibus na Rodovia do Xisto, mas a polícia não confirmou envolvimento deles no crime. A Delegacia de Araucária investiga ao triplo homicídio.