O vício da filha nas drogas fez uma mãe sofrer agressões de traficantes na noite desta quarta-feira (3). Valdirene Rodrigues de Oliveira estava dentro de casa, que fica na rua Cel. Arlindo Candido Molina, no bairro Tatuquara em Curitiba, quando homens invadiram a sala de estar alegando que a filha dela, que é usuária de drogas, estaria lhe devendo dinheiro. Eles dispararam contra as duas, mas elas não foram atingidas.

A filha, durante a confusão, conseguiu fugir. Por isso, os traficantes pegaram Valdirene e deram início a uma série de agressões com coronhadas na cabeça.

Vizinhos acionaram a Polícia Militar e o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). Os traficantes foram embora e ela foi atendida pelos socorristas. Embora as agressões tenham sido fortes, a mãe não corre risco de morte.

“Fomos acionados pensando que era disparo de arma de fogo, mas quando a gente fechou vimos que era agressão. Ela nos contou que foi agredida por causa da filha que estava devendo”, disse o soldado Elias, do Corpo de Bombeiros. A mãe foi levada ao Hospital Trabalhador e passa bem.