Por Felipe Ribeiro

Circula nas redes sociais nesta sexta-feira (30) uma foto que vem causando polêmica em Curitiba e região metropolitana. Na imagem é possível perceber dois integrantes da Torcida Organizada Ultras Zona Sul, que foram presos pela Delegacia Móvel de Atendimento ao Futebol e Eventos (Demafe) no início do mês, fazendo pose para uma foto dentro de uma penitenciária da Grande Curitiba.

selfieultras2

Foto: Reprodução

De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp), o local em que a foto foi tirada já foi identificado e um procedimento interno foi aberto para se descobrir como a foto foi feita.

Os dois suspeitos foram presos durante a Operação Coringa, que prendeu outras três pessoas e investigou uma briga na região central de Curitiba no dia 9 de agosto entre integrantes das torcidas organizadas Ultras Zona Sul e Fanáticos, ambas do Atlético Paranaense.

A polícia chegou a divulgar um vídeo da briga que mostra socos e pontapés entre torcedores. Um jovem aparece sendo brutalmente agredido. Apesar da gravidade dos ferimentos, ele sobreviveu. A Operação foi batizada de Coringa, pelo fato de o palhaço do mal ser o símbolo da Zona Sul.

Notícias Relacionadas:

Suspeitos de envolvimento na briga entre Ultras Zona Sul e Fanáticos são presos

Operação prende torcedores do Atlético que espancaram jovem; vídeo mostra agressão