Os tiros disparados na frente do Bar do Bigode, na Rodovia do Caqui, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, interromperam o show ao vivo que rolava no estabelecimento durante a noite deste sábado (16). Claudemir Moreira da Silva, de 22 anos, morreu na hora e outro jovem ficou ferido. Os atiradores não foram localizados.

Segundo o cantor da banda que fazia o show ao vivo, o que aconteceu na noite de ontem marcou sua vida para sempre. “Sempre tocamos ali no sábado para as famílias. É um lugar tranquilo. Quando fomos ver lá fora estava um rapaz caído e outro ferido. Isto nos assustou bastante, ficamos em estado de choque”, descreveu à Banda B.

O corpo de Claudemir foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML). A outra vítima, não identificada, foi encaminhada ao Hospital Angelina Caron. A Delegacia de Campina Grande do Sul investiga o caso.