Na primeira chacina registrada no ano, um rapper e uma testemunha de um crime praticado por PMs estão entre as vítimas. O crime foi registrado na noite de sexta-feira (4) na zona sul de São Paulo às 23h. Outras quatro pessoas morreram e três ficaram feridas. Três carros pararam em frente a um bar e disparam contra as vítimas. As informações são Folha de S. Paulo.

De acordo com testemunhas, o grupo de assassino tinha pelo menos 14 homens. Eles dispararam cerca de 50 tiros contra as pessoas que estavam no bar. Das seis vítimas fatais, cinco morreram ainda dentro do bar.

Ointegrante do grupo Conexão do Morro,Laércio da Silva Grima, conhecido como Dj Lah, está entre os mortos, assim como o homem que filmou cinco policiais matando um servente de pedreiro que já estava rendido e desarmado, em novembro de 2012.

Informações da Rede Globo dizem que os assassinos desceram do veículo gritando ‘polícia’. Três pessoas que ficaram feridas foram socorridas para hospitais da região. Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.