Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

santos

Santos confessou o crime, mas disse estar arrependido (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

“Eu perdi a cabeça e não devia ter feito isso”. Foi o que disse Luciano Denis dos Santos, de 27 anos, ao ser apresentado na manhã desta quinta-feira (8) na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ele confessou que matou, em julho deste ano, Maycon Quadros, de 19 anos, no bairro Uberaba. Santos alega que atirou contra Quadros depois de saber que ele tinha agredido a sua mãe.

“Eu fiz errado e não é assim que resolve. Eu fiquei muito nervoso porque vi minha mãe machucada e perdi a cabeça. Não deveria ter feito isso e estou arrependido”, afirmou Santos, que confirmou que a agressão de Quadros contra sua mãe aconteceu por conta da venda de uma motocicleta.

Além de Santos, três amigos dele foram presos pela DHPP durante a operação. “O Santos usou duas armas para cometer o crime e localizamos munições e carregador em sua casa. Além dele, outras três pessoas investigadas foram presas e trazidas aqui à delegacia”, disse à Banda B o delegado Wagner Holtz, da DHPP.

Ainda de acordo com o delegado, os suspeitos podem ter envolvimento com o tráfico de drogas. “Estamos apurando mais informações sobre isso. Com um dos encaminhados à DHPP, encontramos uma porção de droga”, concluiu.

Os suspeitos estão detidos na DHPP à disposição da Justiça.

Notícia Relacionada:

Em locais diferentes, dois jovens são assassinados na tarde de domingo em Curitiba