Por Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia de Homicídios de Curitiba, com apoio de policiais civis de Itajaí-SC, prenderam, em Balneário Camboriú-SC, na noite da última terça-feira (25), Maikon Rubens Bonete Alves, de 24 anos, o “Bauduco” acusado como um dos autores do duplo homicídio contra o tenente-coronel da reserva da Polícia Militar João Antônio Pazinatto, 56 anos, e sua acompanhante Débora Cristina Zavaski, de 30, que era usuária de drogas. O crime aconteceu em outubro do ano passado, na Rua Ada Macaggi, no Bairro Alto, em Curitiba.

Segundo o delegado titular da DH, Rubens Recalcatti, no dia do crime, dois homens armados dentro de um Golf preto metralharam o carro onde o tenente-coronel e a mulher estavam. “À época nós identificamos o ‘Bauduco” e seu irmão, Jeferson Bonete Alves, 23 anos, o ‘Gardenal’ com osendo os autores”, contou o delegado.

Recalcatti explicou que após a identificação, os irmãos foram ouvidos, indiciados e posteriormente foram pedidas suas prisões preventivas. “Nesse período até a concessão das prisões eles fugiram para Santa Catarina, mas num trabalho conjunto coma equipe da delegada Luana Chaves, de Itajaí, conseguimos capturar o ‘Bauduco”, nesta terça-feira”, explicou.

Recalcatti salientou que agora as atenções da DH se concentram na prisão de “Gardenal”. Quem tiver informações que possam ajudar a especializada a encontrar o matador pode ligar para (41)3360-1400.