Da Redação com Polícia Civil

suspeito-furto

(Foto: Flávia Barros – Banda B)

Um homem que possui mais de dez passagens criminais, suspeito de praticar de crimes contra o patrimônio, foi preso na manhã desta terça-feira (6) pela Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) de Curitiba. Edson Domingos Gariani, de 55 anos, foi encontrado em uma rua no bairro Alto Boqueirão, após três meses de investigações realizadas pela especializada.

O suspeito tinha um mandado de prisão preventiva em aberto, expedido pela 4ª Vara Criminal da capital pelo crime de furto qualificado. Com ele, foram apreendidos um notebook e algumas peças de vestuários furtados. O homem era investigado por cometer furtos a residências no Paraná e em São Paulo.

De acordo com a polícia, Garini agia sempre da mesma forma durante a prática dos furtos. “Ao perceber que a casa estava vazia, o suspeito abria as portas com uma chave micha, com a qual ele tem habilidade, levando vários pertences dos locais”, explicou o delegado-operacional da DFR, André Feltes.

Indícios apontam que o suspeito cometeu furtos a residências nos municípios de Ponta Grossa e Maringá. Em Ponta Grossa, a ação criminosa do homem foi gravada por câmeras de segurança de um edifício. Na ocasião, ele furtou dinheiro e eletrônicos.

“É importante ressaltar o trabalho das equipes de investigação da DFR que conseguiram identificar e prender o suspeito, a partir da localização de parte dos bens subtraídos de uma das residências”, conclui o delegado.

O homem tem uma extensa ficha criminal com mais de dez passagens por furtos. Ele responderá por pelo menos três delitos de furto qualificado e, se condenado, poderá pegar uma pena de 6 a 12 anos de prisão. Ele permanece preso à disposição da Justiça.